Volta para a P&aacite;gina Inicial Webmail
Municipio
Notícia






13/07/2020 • PROGRESSO PASSA À CONDIÇÃO DE MUNICÍPIO INFESTADO PELO AEDES AEGYPTI.

A 16ª Coordenadoria de Saúde do RS comunicou na manhã desta quarta-feira (1º/07) que Progresso passou à condição de município infestado pelo Aedes aegypti.
Após localizarem um foco de larvas positivas para o mosquito transmissor da dengue, chikungunya e do zika vírus, a Vigilância Epidemiológica realizou vistorias em um raio de 300m do local do primeiro foco e análises das larvas coletadas durante essa nova inspeção retornaram também positivas para o Aedes aegypti.
Por conta dessa nova condição, de acordo com as diretrizes do Programa Nacional de Controle do Aedes aegypty, o município passou a ser considerado como infestado pelo Aedes aegypti e a abrangência das vistorias da Vigilância Epidemiológica muda. Segundo a Coordenadora do setor, Jova Orlandi Noé, a equipe deverá realizar um Levantamento de Índice de Infestação e o tratamento em 100% dos imóveis do município a cada 60 dias, bem como em Postos Estratégicos (PE's) de forma quinzenal. Seguindo orientações, devido a troca de condição do município em relação ao Aedes e a mudança de ações, as armadilhas espalhadas estrategicamente pela cidade foram desativadas.
As atividades de vistoria nas residências já iniciaram e serão intensificadas. A secretária de saúde, Celeida Alcará, pede a compreensão e envolvimento de toda a população para evitar a proliferação do mosquito. "Pedimos à população que receba a agente de endemias e as agentes comunitárias de saúde e colaborem com as atividades de prevenção”, enfatiza. “Sugerimos que, pelo menos uma vez por semana vistoriem as residências e que fiquem atentos aos possíveis locais onde o mosquito possa depositar os ovos e os eliminem. Lembramos que a prevenção exige empenho de todas as esferas governamentais, mas também de toda a população. A única forma de evitar uma possível epidemia é eliminando os criadouros.”, reforça a titular da pasta.
É a primeira vez que Progresso passa a ser considerado um município infestado pelo mosquito Aedes aegypti e somente retornará à condição de não-infestado se ficar por 12 meses consecutivos sem encontrar larvas do mosquito.



Fonte: • Publicada em 13/07/2020, 17:26:14
+ Progresso
Atendimento







Rua 4 de Novembro – 1150 – Centro – Progresso – RS
CEP: 95925-000 – Fone: (51) 3788-1122
Portal Sinos